Paredes com tijolos aparentes, maciços e feitos de barro,  parecem ser uma constante nos ambientes contemporâneos, principalmente nas remodelações onde se queira ressaltar a idade do imóvel ou dar uma aparência descontraída e acolhedora a qualquer ambiente.  Muitos são os acabamentos possíveis para estes tijolos e a aparência rústica, quente e cheia de charme pode variar, conforme o estilo que se queira imprimir.

 Caso você pretenda construir uma parede nova com os tijolos aparentes, procure comprá-los todos de uma só vez e no mesmo fornecedor, para garantir que as naturais variações de cor sejam constantes, na apresentação final da parede.   No caso de paredes antigas, quando retiram-se os acabamentos anteriores, observe que os tijolos estejam em boas condições – livres de humidade, mofo e  íntegros. Há sempre formas e maneiras de contornar e resolver os problemas de humidade, e cheiro de mofo, mas problemas com a  integridade dos tijolos precisam de atenção profissional de um arquitecto, lembre-se disto.

Dica: Ao comprar tijolos maciços de barro, prefira os que trazem a marca do fabricante estampada em uma das faces da peça e preste atenção aos seguintes detalhes: 1- Ao bater um tijolo no outro, a emissão de um som metálico determina a boa qualidade e resistência da peça; 2-  Observe que ele não esfarele e quebre com muita facilidade; 3- Parta uma peça e observe se seu interior mantém a mesma cor do exterior – peças com o interior cinzento revelam a má qualidade da queima dos tijolos.

As juntas entre os tijolos devem ser feitas com areia peneirada. Quanto mais “rústica” se queira as paredes, mais grossa deverá ser a areia, havendo casos em que argila poderá ser adicionada, para uma aparência ainda mais primitiva.  Para que o assentamento garanta a aparência final que se quer para a parede, há ainda o reforço da variante de estilo, por meio das diferentes formas de efectuar o rejunte dos tijolos, por exemplo:

 

 

1- Juntas “cheias”, para as juntas niveladas com as superfícies dos tijolos;

 

 

 

 

2- Junta “frisada”, para um leve rebaixo, em relação às faces dos tijolos;

 

 

 

 

3- Junta “seca”, para que as juntas sejam  imperceptíveis ao olhar.

 

 

 

Os acabamentos para paredes de tijolos aparentes variam, também, conforme o estilo do ambiente.

O efeito “demolição” é conseguido mais facilmente em paredes que já tiveram cobertura de reboco; neste caso basta a raspagem de toda a superfície com lixa grossa,total limpeza do pó resultante da raspagem e posterior aplicação de protecção incolor à base de silicone. No caso de paredes novas, mas que se queira o mesmo efeito “demolição”, basta que se faça, após o assentamento, com areia média e rejunte cheio, uma limpeza do excedente da massa com esponja grossa e umedecida em água, espalhando-se o excesso de massa por toda a superfície, de maneira naturalmente irregular.

Pátina – O efeito patinado é conseguido com a aplicação de uma mistura feita com: 1 parte de cal para pintura, 2 partes de areia fina peneirada, 1/2 parte de cimento e água suficiente para dar à massa a consistência levemente pastosa. Aplica-se a mistura sobre a parede com uma brocha e depois de bem seca lixá-se, até a aparência desejada. Depois da lixa e limpeza de todo o pó, aplica-se uma camada de protector siliconado – que realça o efeito “envelhecido”, mesmo nas paredes novas. O mesmo efeito de pátina pode ser conseguido com a aplicação de tinta látex ou massa corrida, em lugar da mistura de cal, mas o efeito poderá ser menos “natural”… Pessoalmente prefiro a mistura com cal.

Pintura – Para quem prefere o efeito uniforme da pintura a melhor escolha é a aplicação de tinta esmalte sem brilho sobre tijolos assentados com juntas cheias ou frisadas. Ao aplicar a tinta esmalte você não necessitará de protector siliconado, acrílico ou resinado. 

Protecção - Pintado ou mantido na cor natural e para proteger os tijolos do desgaste e evitar o aparecimento de manchas, aplica-se o impermeabilizante que pode ser, por exemplo, o verniz acrílico, a resina ou silicone líquido. O silicone líquido penetra no tijolo sem alterar sua aparência. O efeito é o de uma espécie de filme protector mas que permite que o tijolo “respire”. As resinas acrílicas, são eficientes protectores, mas tendem a escurecer um pouco a cor original dos tijolos. Observe bem as especificaçõoes do material para protecção, eles podem apresentar efeitos de luz sobre a parede – há resinas com brilho, semi-brilho e sem brilho.  De toda maneira, a protecção da parede deve ser renovada a cada dois anos.

Conservação: Paredes externas estão mais expostas à criação de limo e devem ser limpas com uma solução com 30% de cloro e 70% de água, aplicada com escova de cerdas duras. 

Esta entrada foi publicada em Dicas e truques, revestimento e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.



Uma resposta a Tijolos aparentes.

  1. Arthur l.vargas disse:

    excelente , era o que eu procurava

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado