História de uma Venda de Garagem - Endereço ao final do post.

Se há alternativa melhor que uma venda de garagem, para “desapegar” de todas aquelas pequena e grandes coisas que guardamos por todo lado em casa, eu desconheço.  Vendas de garagem existem por todo o mundo, eu adoro observar como a cultura local tem a ver com a forma de organização das vendas de garagem.  Seja onde for o que interessa é como você organiza a sua venda de garagem, porque há uma espécie de roteiro básico para organizar vendas de garagem, capazes para garantir o sucesso do seu “evento” e um pouco mais das velhas e boas moedas… Então vamos a isso!

1 - Onde e quando: Escolher o local da sua venda de garagem é tão importante quanto em qualquer tipo de negócio!  Caso você more em uma casa inserida em condomínio é preciso, antes de tudo, procurar saber se há e quais são as restrições para uma venda de garagem.   Em apartamentos, pelo menos no Brasil, o melhor é que sua venda de garagem seja feita no Salão de Festas ou Play do condomínio.   Boa alternativa para contornar restrições e “alargar” a venda para além da sua casa é convidar amigos e vizinhos para aproveitarem o evento como vendedores também – há a vantagem adicional de atrair mais compradores… Prefira os finais de semana ou feriados, esteja certa que terá muito trabalho nesse dia e você terá suas actividades rotineiras no dia seguinte…  Feiras de garagem devem começar muito cedo e estenderem-se até o final da tarde ou enquanto houver luz natural;

2 – Anuncie: Use a Internet, as redes sociais, os quadros de avisos em supermercados.  Faça pequenos convites (use seu computador) e espalhe pela vizinhança. Mobilizar os parentes e amigos para angariar mais visitantes é uma óptima forma de aumentar suas vendas;

3 – Prepare o que vai vender: Tudo o que você vai vender precisa ser limpo e caso seja possível, reparado. Mesmo quem compra em uma venda de garagem com a intenção da reciclagem, pagará melhor por um artigo que funcione e esteja limpo;

4 – Prepare-se para vender: Escolha e prepare os expositores – Mantas, cobertores ou plástico estendidos sob o gramado, mesas, cavaletes, além dos próprios móveis que você eventualmente queira vender podem receber as pequenas peças à venda. Caso a venda seja feita em local onde haja itens que não estarão para venda, cole um pequeno cartaz em cada peça que não será vendida – fazendo assim você  evitará  perda de tempo em explicações… Sacos, sacolas e jornais velhos também devem estar disponíveis para os seus “clientes” protegerem e levarem suas compras. Você sempre poderá deixar claro no convite ou anúncio a necessidade do comprador trazer suas próprias sacolas e sacos… Faça um estoque de etiquetas, para as anotações de preços e observações sobre a peça; prefira as de papel grosso, em lugar das autocolantes.  Vendas de garagem são feitas em “dinheiro vivo”, portanto, esteja preparada para dar troco para notas de valores iguais a 5, 10, 20 e 50;

5 - Prepare os preços: Depois de todos os itens listados (faça sua lista por categoria), é tempo de fazer os preços. Separe, em cada categoria, os itens que ainda possuem a embalagem original e aqueles que realmente funcionam – estes serão vendidos mais facilmente por preços mais altos.  Itens com mais de oitenta anos e obras de arte precisam ser avaliadas por um profissional, antes de sua decisão pessoal, pelo preço a pedir na venda de garagem. Depois de separados os itens, pense em quanto você estaria disposta a pagar por ele, tire de10 a 20% do seu preço imaginado e estará mais perto do preço que realmente deverá cobrar.  Reavalie e inscreva o preço da peça.  Sempre esteja preparada para a pechincha e a negociação.  Compradores de vendas de garagem querem sentir que fizeram um …grande negócio.  Boa alternativa é dizer ao seu potencial comprador que você aceitará a oferta abaixo da cotação, ao final da venda, caso o objecto ainda esteja disponível…

6 -Prepare a “Equipe de apoio”: Envolva os familiares e amigos mais chegados. Quem irá ajudá-la deverá estar devidamente identificado e familiarizado com os preços e características mais sedutoras dos objectos. Nunca é demais pensar, também, em segurança… O “caixa” deve ser responsabilidade de apenas uma pessoa, o mais tímido de seu grupo certamente será a melhor escolha – “caixas” precisam de atenção redobrada!

7 - Prepare o cenário: Bandeirolas, balões, sorrisos e gentilezas… Lembre-se que a apresentação dos itens à venda e sua boa disposição pessoal também vendem!

Fique certa, voce estará sendo mais uma eco-friendly!

Mãos à obra e boas vendas!

 

 

 

A fotos sao de sites e blogs que contam experiências com vendas de garagem. Vale a visita : 1 - 2 - 3 - 4

Esta entrada foi publicada em organização e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado