Aos 7 anos mudei-me com mamã e meu irmão para Brasília onde meu pai já nos esperava. Meu pai fora convidado pelos então governantes, para juntar-se à equipe de construção da nova Capital. Foi um dos que concebeu o sistema de Transportes Colectivos da nova Capital. O dia de nossa chegada ao aeroporto improvisado, empoeirado e quente está marcado em minha memória com cor, calor, cheiros e a visão de meu pai querido, com  a pele suiça queimada e esticada sob um corpo magro e poeirento e um lindo, largo e esfuziante sorriso… Era a primeira vez que via meu pai em muito tempo, não pudemos ir à festa de inauguração da cidade, por conta da aulas que eu perderia em São Paulo, onde morávamos. Meu pai e aquele sem fim de terra vermelha a voar sobre nós. Saudade é para quem tem história, não é?

Pois hoje recebi minha newsetter da Vintage Seekers e ao abri-lá dou com uma matéria sobre a Brasília,  escrita pelo Jornalista Mark O´Flaherty – fotos do fotógrafo Mark C.O -contribuinte regular para a Elle  e The Independent, entre outros títulos. Viajaram a Brasília como convidados por  www.journeylatinamerica.co.uk e Air France www.airfrance.co.uk . Passei horas a olhar para as fotos, a reler o magnifico e verdadeiro texto de Flaherty.

Esta é Brasília, uma parte da minha história pessoal e uma grande história do Brasil. Não perca a leitura da matéria, no Vintage Seekers.

[Clique sobre as fotos para ampliá-las e saber mais]

Leia a matéria no Vintage Seeker, uma das mais bem escritas que já tive a oportunidade de ler. Aproveite!

http://www.jluciano.eti.br/profecias/dombosco.htm

 

 

Esta entrada foi publicada em Arquitectura e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado